Vídeo 'Criança Infeliz' satiriza o que ele chama de 'explorado ostentação'

Atualizado quinta-feira, 19/11/2015 |09:37

Psicólogo usa YouTube para criticar sexualização infantil no ‘mundo funk’


O psicólogo Marcelo Machado, de 31 anos, encontrou no YouTube e em seu personagem Jony Venenoso, o “mano caipira”, uma forma de opinar com ironia e humor os problemas da cidade onde vive, Itapetininga (SP), como a presença dos Mcs infantis no “mundo funk”. Para ele, há sexualização das crianças que estão no ramo (assista ao vídeo acima). O personagem, que surgiu como uma voz da periferia local, já soma 42 mil visualizações em vários vídeos.

“O objetivo do vídeo é trazer esse debate, essa reflexão. A situação dessas crianças é um reflexo da nossa sociedade de consumo. Cada vez mais cedo as crianças são transformadas em consumidoras, ficando adultas mais cedo. Não concordo com isso, pois para mim é um crime, por isso fiz essa música. Mas faço isso não como psicólogo, e sim como cidadão”, conta. Itapetininga tem 155 mil habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O vídeo da sátira “Criança Infeliz”, publicado em 25 de outubro, já soma 790 visualizações. Para Jony Venenoso, mais importante do que o número de visualizações, é a formação de uma nova opinião para quem assistiu e para as crianças que participaram da gravação, que são de bairros carentes da cidade.

Confira um trecho do funk:
Criança esperança, esperança na vida é ser um astro das brasileirinhas
Atoladinha, desce novinha, pega uma caneta e aprenda a ‘continha’ de dividir, multiplar, menino bandido aprende a estudar
Eu sei MC, em mim também dói, o que a sociedade vai fazer com ‘nóis’?
Para ser explorado ostentação, para mim brincar sempre foi tentação […]
Só o que eu não entendo o que cê quer ser. Cê quer ser rico e eu Dragon Ball Z
MC famoso, famoso pra quê? Ganhar dinheiro e a infância perder!

'Mano caipira', Jony Venenoso tem 42 mil visualizações no YouTube (Foto: Charles Alves Filho/ Cafegoria)
‘Mano caipira’, Jony Venenoso tem 42 mil ‘views’
no YouTube (Foto: Charles Alves Filho/ Cafegoria)

O personagem
Jony Venenoso foi criado em 2007 noYouTube. E o perfil do Facebook está com 1,2 mil seguidores. “Por muito tempo fazia um vídeo por ano, só de brincadeira. Só esse ano é que resolvemos fazer com mais frequência. Mas não passa de uma ‘brincadeira’ entre amigos”, conta.

Marcelo vira Jony ao usar dentadura e vestir óculos escuros, boné, camiseta, bermuda e chinelo. Além da sexualização no funk, o personagem também aborda os buracos, asgírias e até sobre a história de Itapetininga. “Esse personagem é uma nostalgia da minha vida, porque nasci e cresci no bairro 4L, periferia da cidade. As coisas melhoraram aqui, mas ainda tem problemas, por isso quero também dar voz a essas pessoas, já que todos os vídeos são feitos com pessoas de lá.”

Ads by CloudScoutAd Options

Além de se divertir, personagem serve para expressar opiniões (Foto: Charles Alves Filho/ Cafegoria)
Além de se divertir, personagem serve para expressar opiniões (Foto: Charles Alves Filho/ Cafegoria)
Fonte:G1
Florencio Neto

Florencio Neto

Titular do Programa ''Forrozão do Senador'' na Rádio Princesa do Vale. Horários; Das 16h às 18h - de Segunda à Quinta. Das 16h às 17h - nas Sextas.
http://radioprincesadovale.com