Política

Atualizado quinta-feira, 23/06/2016 |09:05

Prefeito de Itajá se diz pronto para transmitir o cargo para sucessor e garante que permanecerá na vida pública

Entrevistado pelo Jornal da Manhã, o gestor municipal declarou que está preocupado em deixar a prefeitura devidamente organizada para quem vier a sucedê-lo na atribuição


Apesar de ainda permanecer à frente da chefia do Poder Executivo municipal itajaense, uma vez que ainda não recebeu a notificação oficial da Justiça Eleitoral com relação à decisão do Tribunal Superior Eleitoral, TSE, que determinou seu afastamento em definitivo do cargo, o prefeito Licélio Jackson Guimarães, PMDB, afirma que tal situação vem deixando a administração num quadro delicado. Entrevistado pelo Jornal da Manhã, o gestor municipal declarou que está preocupado em deixar a prefeitura devidamente organizada para quem vier a sucedê-lo na atribuição. Licélio Guimarães também afirma que sua determinação é a de continuar na vida pública. Ainda com referência à cidade de Itajá, o secretário municipal de Administração, ex-prefeito Lutércio Jackson Guimarães, declarou que, por conta de todo o problema que atinge a gestão, a agenda festiva em comemoração aos 24 anos de emancipação da cidade – cuja data magna oficial transcorrerá neste próximo domingo, dia 26 – não será realizada dentro do que havia sido planejado.