futebol

Atualizado terça-feira, 21/06/2016 |18:20

CBF aceita proposta e trará jogo do Brasil para Natal

O confronto ainda não está definido, mas possivelmente pode ser a partida contra a Bolívia, marcada para o dia 7 de outubro, válida pela 9ª rodada da das Eliminatórias para Copa de 2018, no segundo jogo de Tite como técnico do selecionado nacional.


Depois de 35 anos, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) disse que vai realizar um jogo da Seleção Brasileira de futebol em Natal. A confirmação ocorreu num contato telefônico entre o presidente da Federação Norte-riograndense de Futebol (FNF), José Vanildo, e o diretor de competições da confederação, Manoel Medeiros Flores Júnior, que esteve em Natal na última sexta-feira para vistoriar e aprovar as dependências da Arena das Dunas. Ontem. O dirigente ressaltou que a entidade aceitou a proposta realizada pelo consórcio que administra a praça esportiva potiguar.
A estreia do novo comandante vai ocorrer no dia 6 de setembro, na Arena Amazonas, diante da Colômbia. O presidente da Federação Norte-riograndense de futebol (FNF), José Vanildo, disse que só pretende comemorar quando tudo estiver confirmado, mas ressalta que, em ocorrendo, será um marco na sua administração. “Mantivemos contato com a CBF e eles informaram que decidiram aceitar a proposta realizada pelo consórcio Arena das Dunas. A definição da data e do jogo será realizada Pela Conmebol, entidade responsável pelas Eliminatórias. Então cabe a entidade internacional a confirmação, mas o comunicado da CBF confirmando Natal como sede para um jogo da seleção já foi enviado”, informou José Vanildo.
Um resolução da administração de Ricardo Teixeira na presidência da CBF, vetava jogos da seleção em estádios ou arenas com capacidade inferior a 45 mil espectadores, mas essa questão não vem sendo levada em consideração pelos promotores locais do evento. Eles sequer planejam a instalação de arquibancadas móveis na praça esportiva, nos moldes das utilizadas durante a realização da Copa do Mundo, quando a capacidade da Arena das Dunas foi ampliada para 45 mil torcedores. Atualmente a capacidade é de 33 mil.
“Não estamos trabalhando com essa hipótese por se tratar de um procedimento complicado e caro também. Nos contatos que foram mantidos não foi mencionado nada neste sentido, o que não significa que não possa vir a ser. Mas a Arena Amazonas, que irá receber o jogo contra a Colômbia, a capacidade de público é um pouco inferior aos 45 mil espectadores”, frisa Ítalo Mitre, gerente jurídico e de relações institucionais do consórcio Arena das Dunas.

Juliano Lima

Jornalista trabalhou vários meios de comunicação no Brasil e hoje é repórter da Rádio Princesa do Vale e editor do Jornal da Manhã.
http://www.radioprincesadovale.com