Luto

Atualizado terça-feira, 29/12/2015 |08:57

APRAM emite nota de pesar pela morte do SD PM Erimário do 10º BPM

Segundo informações de populares que fizeram as buscas e encontraram o corpo do PM por volta das 12h, apesar de o reservatório estar com o volume hídrico muito baixo, no local da tragédia a profundidade ainda chega a marca dos 15 metros


A diretoria da Associação de Praças da Polícia Militar de Mossoró e Região (APRAM), encaminhou uma nota para a divulgação na imprensa, na qual lamenta profundamente a morte do Soldado PM Erimário Santos, na manhã desta última segunda-feira. O policial era lotado no 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM) em Assú onde integrava o Grupamento Tático Operacional (GTO). Segundo informações de populares que fizeram as buscas e encontraram o corpo do PM por volta das 12h, apesar de o reservatório estar com o volume hídrico muito baixo, no local da tragédia a profundidade ainda chega a marca dos 15 metros. Erimário Santos estava em companhia de outro policial militar durante o treinamento que lhes proporcionariam a atuação na Força Nacional de Segurança Pública durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. Os dois estavam fazendo uma travessia a nado e em dado momento o PM afundou e não voltou mais. O seu companheiro ainda tentou salvá-lo, mas não conseguiu. Ambos estavam fardados, usando coturnos, coletes à prova de balas, e carregando equipamentos usados no trabalho diário, inclusive fuzil e munição. O treinamento visa tornar a ação mais o próximo possível da realidade. Por esse motivo é indispensável a utilização de todos os equipamentos e o fardamento já que numa situação na qual os policiais estiveram trabalhando não poderá dispensar esse material.

Nota de pesar

A Associação de Praças da Polícia Militar de Mossoró e Região (APRAM) vem a público manifestar o mais profundo sentimento de tristeza e pesar em razão da morte do Soldado PM Erimário Santos ocorrida na manhã de hoje (28) nas águas da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, município de Itajá/RN. O referido guerreiro era lotado no 10ºBPM em Assú e estava há 09 anos na corporação. Toda nossa solidariedade aos amigos e familiares!